Diocese de Novo Hamburgo

COMUNIDADE PRESTIGIA A COMEMORAÇÃO COM ATIVIDADES RELIGIOSAS E FESTIVAS

- PARÓQUIA SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS – ESTÂNCIA VELHA

“São 60 anos anunciando o Evangelho e a Igreja de Jesus Cristo, uma trajetória marcante construída com a participação e contribuição de muitas pessoas, uma comunidade muito dedicada e devota.”

O ano de 2019 é de grande significado para a Comunidade Católica  e para a cidade de Estância Velha, pois ambas comemoram seu Jubileu de Diamante.

Nestas 6 décadas de história, a Paróquia Sagrado Coração de Jesus tem se destacado por sua presença junto à comunidade, acompanhando todos os momentos do crescimento da população e da cidade. Criada em 30 de dezembro de 1959, pelo então Arcebispo Metropolitano de Porto Alegre Dom Vicente Scherer, por mercê de Deus e da Santa Fé Apostólica. Seu primeiro Pároco foi Padre Aloísio Weber.

São 60 anos anunciando o Evangelho e a Igreja de Jesus Cristo, uma trajetória marcante construída com a participação e contribuição de muitas pessoas, uma comunidade muito dedicada e devota. Desde 2003, o Pároco é o Padre Jacó André Kunrath, e como Vigário Paroquial o Padre Remi André Klein, e auxiliar Pe. José João Bach, revezando –se no atendimento da matriz e nas comunidades, prestando todos os tipos de auxílios religiosos.

Além da Igreja Matriz, a Paróquia possui: Capela São José (Campo Grande), Nossa Senhora Aparecida (Bela Vista), Nossa Senhora de Fátima (Lago Azul), Nossa Senhora Auxiliadora (Nova Estância), Imaculado Coração de Maria (Veneza) e Sagrada Família (Floresta). Para centralizar e ordenar todas as solicitações dos fiéis, existe a secretaria paroquial, que funciona na Igreja Matriz nos seguintes horários: 08h às 11h30min, e das 13h às 17h30min.

As comemorações

O lançamento das comemorações do Jubileu de Diamante ocorreu em maio de 2019, mas o ponto culminante foi coma realização do Tríduo e da Festa do Padroeiro Sagrado Coração de Jesus realizada no dia 30 de junho de 2019. Os eventos do tríduo ocorreram de 27 à 29 de junho, e a Missa Festiva em Honra ao Sagrado Coração de Jesus ocorreu no dia 30 de junho, encerrando com a Festa que lotou o Pavilhão da Comunidade.

Para marcar os festejos destes 60 anos, a Paróquia lançou um brasão, alusivo a registrar momentos marcantes desta história de fé. Também foi lançada a campanha de pedras para a calçada do jubileu, para arrecadação de 500 pedras que farão a renovação externa do pátio da Igreja, bem como a implantação do brasão na entrada da Igreja. As famílias interessadas em contribuir com a campanha podem se dirigir a secretaria paroquial e contribuir com o valor de R$ 100,00 por pedra. Com isso, além de colaborar com a renovação e embelezamento da Paróquia terá o seu nome registrado no Livro Ouro da Paróquia.

Padres que passaram pela Paróquia nestes 60anos

Pe.Aloisio Weber

Pe.José Antônio Nicolau Backes

Pe. Léo Pedro Schneider

Pe. Alfredo Arnildo José Schütz

Pe. Armando Antôino Giehl

Pe. José Guinther Büttenbender

Pe. José Edwin Kalsing

Pe. Oscar João Colling

Pe. Sérgio José Tomacheski

Pe. Pedro Stoffel

Pe. Frei Darcísio Albertp Paetzold O.P.M

Pe. Luiz Pedrom Wagner

Pe.Jacó André Kunrath

 

 Brasão da Paróquia

 

Explicação das cores e símbolos:

Cor de Fundo “Preto”: simboliza o vazio, o nada. Fomos criados do nada. O preto símbolo das trevas, do pecado. Donde mereceu que a luz do mundo fecundasse a terra com seu preciosíssimo sangue. Se de uma árvore nos veio as trevas, da árvore da cruz nos veio a alegria da salvação.

A cor Dourada da Cruz: a realeza do salvador, de um humilde e majestoso reinado. A cruz atrás do brasão identifica que é um brasão de Paróquia.

A Flor de Liz: símbolo da pureza nos lembra que foi Ele que nos amou primeiro.

O escudo do Brasão: tem o formato de uma couraça, nos lembrando o trabalho pelo qual homens e mulheres tiravam os seus proventos e o meio pelo qual se santificaram. Símbolo que identifica a cidade de Estância Velha.

As três Cores;

Vermelho, Azul e o Amarelo

Assim como estão distribuídos no brasão, vemos as imagens dos santos distribuídos na Igreja.

O vermelho ao centro representa o Sagrado Coração de JESUS Padroeiro desta paróquia.

A sua esquerda encontramos a imagem de Nossa Senhora Co Padroeira desta Paróquia representada pela cor azul.

E ao nosso lado direito, na cor amarela, aqui simbolizado, o pai putativo de Jesus, São José, nosso pai e senhor.

pálio  é um ornamento do papa e dos metropolitas. Ele tem a forma de um cinto circular que suporta os ombros e do qual pendem duas tiras retangulares no peito e nas costas, todas de lã branca, destacando-se seis ou cinco cruzes de seda preta ou vermelha.  Simbolizando a ovelha que vai sobre os ombros do Bom Pastor. Ele está sobre os ombros do Papa e arcebispos como um símbolo e um lembrete de pastagem que devem ser carregados com ovelhas como o pastor fez na parábola da ovelha perdida. 

A parábola da ovelha perdida, que o pastor procura no deserto, era para os pais da Igreja uma imagem do mistério de Cristo e da Igreja. A humanidade - todos nós - é a ovelha perdida no deserto que não consegue mais encontrar o caminho. O Filho de Deus [...] coloca-a sobre os ombros, carrega a nossa humanidade, leva-nos a nós mesmos, porque é o Bom Pastor, que oferece a sua vida pelas ovelhas. O pálio indica primeiro que Cristo nos leva e conduz. Mas, ao mesmo tempo, nos convida a nos levarmos uns aos outros.

Neste símbolo, gostaríamos de mencionar os padres que passaram por nossa Paróquia:

1º - Pe. Aloisio Weber

2º - Pe.José Antônio Nicolau Backes

3º - Pe. Léo Pedro Schneider

4º - Pe. Alfredo Arnildo José Schütz

5º - Pe.Armando Antônio Giehl

6º - Pe.José Günther Büttenbender

7º - Pe.José Edwin Kalsing

8º - Pe. Oscar João Colling

9º - Pe. Sérgio José Tomacheski

10º - Pe. Pedro Stoffel

11º - Pe. Frei Darcísio Alberto Paetzold O.F.M

12º - Pe. Luiz Pedro Wagner

13º - Pe.Jacó André Kunrath

 

 Os 5 pontos de ouros representam  as nossas comunidades. O número cinco nas sagradas escrituras significa “alguns”, “uns quantos”, “uma quantidade indefinida”. Ou seja, representa a totalidade de nossas comunidades. E as porventura que serão constituídas.

Matriz

São José: a primeira capela aqui representada, como também na cor amarela e o lírio na cruz.

Sagrada Família

Nossa Senhora Aparecida

Nossa Senhora Auxiliadora

Nossa Senhora de Fátima

Imaculado Coração de Maria

Nossa Senhora Rosa Mística

 

A letra "M" com uma cruz é um monograma que lembra Maria, Mãe de Deus. Em torno do  monograma encontramos uma coroa de doze estrelas. Assim encontramos no Apocalipse Capítulo 12:"E viu-se um um grande sinal no céu:uma mulher vestida de sol, tendo a lua debaixo dos seus pés, sobre a cabeça uma coroa de doze estrelas:" Na simbologia bíblica, representa a perfeição: as 12 tribos de Israel, 12 Apóstolos.

A coroa de doze estrelas indica a realeza da maternidade divina. As doze estrelas significam também uma nova realidade."Filhos prediletos, olhai hoje para a candura da vossa Mãe Celeste. Sou a Imaculada Conceição. Sou a única criatura isenta de toda a mancha de pecado, mesmo do original. Deixa-vos envolver pelo meu manto de beleza para que também vós sejais iluminados pelo meu coração Imaculado."

Os meus prediletos e filhos consagrados ao meu Coração Imaculado, chamados a serem hoje apóstolos dos últimos tempos, são as estrelas mais luminosas da minha coroa real.

No fim o meu Imaculado Coração triunfará."

Então na placa vermelha encontra -se o monograma de Maria, que representa a emancipação da cidade. O nascimento de Maria é o nascimento de Estância Velha segundo o coração de Deus.

Na Paróquia encontra-se o seguinte registro em Ata:

"Aos 31 de agosto de mil novecentos e sessenta em ofício dirigido ao Reverendíssimo Pe.Vigário a Câmera de vereadores comunia o seguinte:

Câmara Municipal de Estância Velha

Estância Velha, 31 de agosto de 1960

Ilmo Sr.Rvdo. Pe.Aloísio Weber

M.O. Vigário da Igreja Católica de Estância Velha

Temos a satisfação de comunicar a Vosso Senhor que esta Câmara Municipal, em sessão desta data, aprovou, por unanimidade dos presentes, a decretação do feriado municipal de 08 de setembro, consagrando a, Natividade de Nossa Senhora como Padroeira do Município, que, por feliz coincidência, foi criado no mesmo dia do ano de 1959. Colhemos o ensejo para reafirmar a Vossa Senhoria os protestos de nosso elevado apreço e distinta consideração.

Presidente:Arno Knei

                     Aloísio José Hennemann

 

Divisa ou Lema

É chamado de "grito de guerra". Trata-se de uma frase escrita dentro de uma faixa, postada abaixo do escudo. Normalmente testemunha o que se quer comunicar a respeito do caráter do brasonado, no nosso caso identifica a Paróquia Sagrado Coração de Jesus. E a faixa colocada sob o brasão representa a comunidade que abraça e acolhe a Paróquia, ou seja, a Paróquia Sagrado Coração é esse "TODO".

O símbolo que salta aos olhos nesta representação divina é o Coração de Jesus, fora do peito, cercado de espinhos e ardendo em chamas. O Sagrado Coração de Jesus fora do peito é um símbolo gritante do amor de  Deus por nós, e foi por causa deste amor que Jesus deu sua vida por cada um de nós, é a maneira Dele gritar para todos nós que ele nos ama infinitamente.

             O Coração ardendo em chamas significa que este amor está vivo e atual. Ele não está no passado, Não. O amor de Deus está vivo hoje, agora, este fogo simboliza também o Fogo do Espírito Santo, que quer queimar cada um de nós no seu infinito amor, Ele quer aquecer nossos corações com a sua presença edificante, salvadora e amorosa.

            O coração de Jesus cercado de espinhos simboliza a nossa indiferença ao seu amor. Quando ficamos indiferentes a este amor que deu a vida por nós, nós ferimos este Coração. O amor é assim. Quando não é correspondido, sofre....

Mensagem do Pároco

Neste ano comemoramos na Paróquia Sagrado Coração de Jesus – Bodas de Diamante: 650 anos desde a fundação.

Estamos vivendo mais um momento histórico, muito especial, de grande alegria para todos nós paroquianos, coordenadores de pastorais, movimentos e conselhos de comunidades da paróquia, que são líderes e tantos colaboradores que juntos e unidos ao Coração de Jesus colocamos em prática a ordem dada pelo próprio Jesus: Idem a anunciar a toda criatura a boa nova do Evangelho (MC16-15).

Celebrar 60 anos de Paróquia é sentir em estado de graça a presença de Deus em nossa vida e na vida da comunidade.

Dentro de tantas vozes escutamos (na internet, nas novelas, na TV, na rádio, na roda de conversas, no trabalho, na rua, nos jornais, etc), precisamos tomar uma decisão de fé. Construir nossas vidas na Palavra de Deus, que deve por nós ser ouvida, acolhida com fé e colocada em prática pelo próprio Jesus: ”Amai-vos uns aos outros como eu vos amei” (JO15,12-17).

Acredito que esta é a nossa missão, sempre desafiadora, mas com a graça de Deus pretendemos realiza-la, com simplicidade e humildade.

Espero que possamos manter-nos fiéis a este mandato do Senhor, através de oração mútua. Que o coração de Jesus derrame abundantemente as suas graças e bênçãos a todos os queridos paroquianos e colaboradores desta Paróquia.

Por Padre Jacó André Kunrath